SUS começa a vacinar meninas contra HPV em março

O Ministério da Saúde recebeu o primeiro lote da vacina contra o papilomavírus (HPV), com quatro milhões de doses que serão distribuídas gratuitamente na Campanha de Vacinação deste ano, em março, pelo SUS. O insumo, que previne contra o câncer de colo de útero, será aplicada gratuitamente em meninas de 11 a 13 anos em 2014 e, a partir do ano seguinte, será ofertado também para meninas de 9 e 10 anos.

A vacina contra HPV que será distribuída no SUS é a quadrivalente, que previne contra quatro tipos de HPV (6, 11, 16 e 18). Dois deles (16 e 18) respondem por 70% dos casos de câncer de colo de útero, responsável atualmente por 95% dos casos de câncer no País. É o segundo tipo de tumor que mais atinge as mulheres, atrás apenas do câncer de mama.

Cada menina deve receber três doses da vacina para estar imunizada contra o HPV. Após a primeira dose, a segunda deverá ocorrer em seis meses e a terceira, em cinco anos. A vacina deve ser aplicada com autorização dos pais ou responsáveis. Ela tem eficácia comprovada para mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual e, portanto, não tiveram nenhum contato com o vírus.

Fonte: www.drauziovarella.com.br

Três aplicativos para cuidar do seu dinheiro

A tecnologia quando bem aplicada traz praticidade à nossas vidas. A partir de opiniões de usuários, reunimos um compilado de aplicativos para as principais plataformas móveis construídos para ajudar as pessoas a cuidar melhor do seu dinheiro.

Minhas Economias – IOS (Iphones)
O aplicativo permite que você controle o seu dinheiro, faça orçamentos e planeje sua vida financeira. Assim fica mais fácil saber onde você está gastando, agendar lembretes para não esquecer de pagar uma conta, gerenciar contas de diversos bancos, cartões de créditos, investimentos e financiamentos.

Nota dos usuários: 4,5 de 5 (117 avaliações)

Idioma: português

Preço: gratuito

Tamanho: 1,2MB

Moneywise – Android
Com mais de 500 mil downloads, esse APP é febre entre os usuários de Android e já foi nomeado “O melhor Aplicativo de Monitoramento de orçamento para Android” pelo LifeHacker 2012. Nele, é possível filtrar e navegar nas despesas por data, categoria ou conta. Usando etiquetas e categorias você pode classificar despesas como quiser, e terá diversos gráficos ilustrativos para lhe auxiliar.

Nota dos usuários: 4,5 de 5 (3071 avaliações)

Idioma: português

Preço: gratuito

Tamanho: 2,6 MB

Finance – IOS (iphones) e Android
Aplicativo para gestão financeira, incluindo controle de contas bancárias, cartão de crédito, é possível tirar fotos dos comprovantes financeiros como notas e recibos e associar às transações, analisar saldos e muito mais.

Nota dos usuários: 4,5 de 5 (140 avaliações)

Idioma: português

Preço: gratuito

Tamanho: 8,7MB

Fonte: BlogdaSeguros.com.br

9 dicas para economizar energia com o ar-condicionado

Os aparelhos de ar-condicionado representam até 5% da conta de luz de uma casa. Apesar do conforto térmico proporcionado, é importante ficar atento à manutenção e formas de uso para não fazer dele um vilão do desperdício.


1. Ambiente fechado:
é importante evitar a entrada de ar externo no local que está sendo refrigerado, para não “forçar” o aparelho. Por isso, mantenha portas e janelas fechadas;

2. Limpeza: mantenha os filtros em dia. A sujeira impede a livre circulação do ar e força o aparelho a trabalhar mais;

3. Temperatura agradável: o conforto térmico é uma combinação de temperatura e umidade, por isso nem sempre o frio máximo é a melhor solução. Regule o termostato adequadamente;

4. Use com consciência: mantenha o ar-condicionado sempre desligado quando você se ausentar do ambiente por muito tempo;

5. Aparelhos no ambiente: lâmpadas e equipamentos eletrônicos em geral, como monitores de computador, emitem calor e demandam mais do ar-condicionado. Por isso, não os deixe ligados desnecessariamente;

6. Frio natural: no inverno, desligue a refrigeração do ar-condicionado e ligue só o ventilador;

7. Escolha certa: na hora de comprar um aparelho novo confira se ele possui o selo PROCEL de consumo reduzido e dê preferência aos modelos que possuam recursos como o timer, com o qual o aparelho é programado e desliga sozinho;

8. Localização: não deixe o aparelho em lugares quentes, próximo de equipamentos elétricos ou na incidência do sol. Isso o faz trabalhar mais, desnecessariamente. Também é importante deixar o ar circular livremente. Por isso, evite colocá-lo próximo a cortinas, divisórias, móveis e em cantos de parede.

9. Instalação: o ideal é instalar o aparelho de forma que o fluxo de ar fique paralelo à maior dimensão do ambiente, para que circule da melhor forma possível. Ele também deve ser instalado em uma altura em que o “vento” não incomode as pessoas do ambiente – ou seja, quanto mais alto melhor, até porque a tendência é que o ar frio desça e o ar quente suba. Já a parte externa não deve estar voltada para ambientes fechados como garagens e forros.

Fonte: Blog da Seguros